Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Francisco Silveira em Seg Ago 23, 2010 7:25 pm

Algum tempo atrás, em meu CTG, discutimos a questão das Danças Tradicionais Folclóricas (Paixão Côrtes) ou Estilizadas.

Afinal, vale mesmo o que é certo ou o que é melhor?

Melhor em que sentido?

O que é realmente melhor?

Estas foram questões levantadas. E eu trago esta discussão para o Charla Tradicionalista, dando minha opinião de pontapé inicial.


Para mim, Francisco Silveira, vale mais as Estilizadas.
Sem sombra de dúvida, as Danças conforme Paixão Côrtes são as corretas, este é o jeito tradicional de dançar (por que então discutir, se são as Danças TRADICIONAIS em questão?). Eu tenho para mim que Paixão Côrtes é "o cara", o que ele diz no sentido de como é e como não é, é o que realmente vale. Se ele está realmente certo, ninguém sabe, pois eu pelo menos não conheço ninguém que tenha feito o que ele fez. Então, ele pesquisou, o que ele diz é o que vale.
Bom, para que discutir então?
Em primeiro momento, pode parecer ridículo cogitar a hipótese das Danças Estilizadas. Estamos aqui para preservar a Tradição, e a Tradição é o que nos diz Paixão Côrtes, e ele é capaz de pular em alguém que Dança de forma Estilizada. Não é isso?
Para mim, não.
Creio eu, e acho que alguns tradicionalistas concordam comigo, que além de cultivar as tradições, o MTG tem a função de formar cidadãos. Às vezes, como o próprio Fábio me disse uma vez, é de se pensar que a questão do tradicional é só um alicerce para uma idéia monumental, que é formar pessoas melhores.
Mas, o que isto tem a ver?
Simples. A arte, no Tradicionalismo, é uma coisa muito usada para chamar pessoas para a causa. Pelo menos no meu CTG, a grande maioria das pessoas que participam começaram, em sua juventude, na Invernada Artística, dançando as Danças Tradicionais. Então, podemos dizer que as Danças Tradicionais são o maior Chamariz da maioria (para não dizer totalidade) dos CTG`s.
Todos concordamos, que quando vemos um CTG como o Aldeia dos Anjos dançando seu tema de entrada, é um verdadeiro show, mas quando eles dançam o Maçanico, nem tanto.
Quando tu ves um tema de entrada, tu pensas: "Nossa, tudo o que eu queria era estar lá dançando junto com eles".
Quando tu ves o Maçanico, pensas: "Nossa, eu gostaria de dançar junto com eles".
Nada contra o Maçanico, eu acho uma dança muito bonita e adorava dança-la nos meus tempos de Danças Tradicionais.
Mas dá para captar a idéia? O poder de conquista de um tema de entrada é maior do que de uma Dança Tradidicional. E todos já perceberam isso.
O mesmo serve para o Maçanico e o Maçanico Estilizado, o Estilizado conquista muito mais.
E não é isso que realmente importa, atrair e agregar mais pessoas para a causa para podermos formar melhores pessoas para o nosso mundo?

É aí que eu mesmo me pergunto...

O Certo, ou o melhor?

O resto fica com vocês.
avatar
Francisco Silveira
Administrador

Mensagens : 46
Pontos de Trova : 127
Data de inscrição : 17/08/2010
Idade : 24
Localização : Nova Petrópolis, RS

Ver perfil do usuário http://ctradicionalista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Fábio Rodrigo Guaragni em Ter Ago 24, 2010 9:14 am

Puxa, quanta filosofia

Eu não tenho ainda uma opinião bem formada sobre o assunto, mas vai umas palavras:

Primeiro temos que separar o joio do trigo:

1) Temos entidades de praticam o chamado "estilo campeiro" ou "estilo Paixão Cortes" ou seja, indumentária não uniformizada, exclusivamente danças recolhidas do folclore (do manual do MTG e muitas outras)

2) Temos entidades que praticam o chamado "estilo enart" (como o nosso CTG) podendo ser a indumentária uniformizada ou não, danças tradicionais somente conforme o manual do MTG e coreografias estilizadas como tema de entrada e saída

3) Ainda existem grupos ou entidades que não seguem regra nenhuma, fazendo estilização com temas escolhido e até mesmo estilizando as próprias danças tradicionais.


No item 1, penso que tem o grande valor cultural e histórico, o que é o mais importante

No item 2, penso que alia-se ao valor cultural e histórico a criatividade artística e homenagens e pesquisas realizadas através das coreografias estilizadas de entrada e saída, enfeitando as apresentações...Porém, para o leigos, fica o pensamento que aquilo também é tradicional e a indagação: fizeram uma dança tão bonita mas agora estão apresentando danças tão "sem graça"!!
Nossas entidades tradicionalista têm que ter a preocupação de que os temas de entrada e saída não devem abafar por demais as danças tradicionais...

Quanto ao item 3, esta prática serve para grupos que queiram dançar, acham bonito gauchismo, mas não têm vínculo ou preocupação cultural e histórica, o que também não ofende a cultura gaúcha mas, acho que não deve ser o estilo escolhido por uma entidade filiada ao Movimento...


vamos discutir um pouco mais sobre o assunto...

Fábio Rodrigo Guaragni
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 33
Pontos de Trova : 48
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 38
Localização : Nova Petrópolis

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Francisco Silveira em Ter Ago 24, 2010 12:27 pm

Penso, que se a idéia é não abafar as Danças Tradicionais, é melhor nem se fazer tema de entrada e saída.
É muito difícil (para mim impossivel) se criar um tema de entrada descente sem abafar qualquer outra coisa que você vá dançar depois.
No ENART, o mais bonito de assistir são as entradas e saídas, pois as danças tradicionais todo mundo dança, todo mundo conhece. É ou não é?
O que muda é a questão técnica, e isso só compete aos jurados.

Acredito, que se pode classificar isso em estágios.

Estágio Um - Estilo campeiro (que eu prefiro chamar de folclórico).
Estágio Dois - Meio termo, que é o que existe no ENART.
Estágio Três - Eu defendo este estágio, mas com um grande porém (explico a seguir). Este estágio três não tem nada a ver com algo tradicional, pelo menos não em termos de dança, pois, a música (vaneira, chote, chamamé) usada é tradicional, as pilchas são tradicionais, e assim por diante.

Defendendo meu ponto de vista, eu acredito que sempre se deve usar o velho bom-senso. Grupos que nem aquele que eu não vou nomear, em que prendas dançam com boleadeiras e facões, fazem sapateio e só faltam chulear são pior do que a raspa do tacho.
Isso, sim, é errado.
É o mesmo que nós, em nosso CTG, que tem Grupo de Arte Biriva, botarmos as prendas para sarandear em nosso "acampamento tropeiro cênico". Isso é ridículo, nada além.

Mas, me veio a mente agora, o nome Projeção Folclórica. Talvez, seja isso o que defendo.

Mas além, eu já vi, no nosso próprio Festival Internacional de Folclore, grupos de fora que dançaram a Chimarrita com algumas "firulinhas". Será que isso é abominável?

Quanto a isso, eu não tenho muita certeza.

Mas, respondendo ao teu item três, só por que não são as danças tradicionais a serem dançadas não significa que não se precise de alguns princípios. Eu não creio que seja apenas um bando de "loco" querendo dançar o gauchismo.
Minha idéia são danças fundamentadas, coreografadas como entradas e saídas, mas porém com pesquisa. Por que não chamar, restringindo ao povo que conheçe o nosso espetáculo "Os Tropeiros", a parte dos "Homens de Preto" de dança? É algo totalmente cabível: interpreta-se os tropeiros levando sua tropa, enquanto de forma imaginária, por assim dizer, a gauderiada do apoio monta o acampamento no lugar escolhido.
Será que "Os Homens de Preto" não é uma dança? Não tradicional como a Dança dos Facões ou o Chico do Porrete, mas ainda assim uma dança.
Esta dança se encaixa no item três, não é? Então, nosso CTG não deveria estar afiliado ao Movimento?
Quando se fala em Invernada Artística, nunca se fala especificamente em Danças Tradicionais.
"E com vocês, a Invernada Adulta do CTG Pousada da Serra."
Vendo o nosso Festival Internacional de Folclore, e nosso próprio grupo Biriva, imagino que seria uma idéia muito mais feliz se montar espetáculos do que apenas apresentações.
"Estrelando o espetáculo, Italianos da Serra, com a Invernada Adulta do CTG Pousada da Serra, onde se interpretam Danças Tradicionais (Chote de Quatro Passi) mescladas a temas próprios coreografados baseados em pesquisa histórica e cultural realizada pelo próprio CTG."
Não seria um baita impacto? Não fortaleceria ainda mais a cultura?
Acredito eu, que a forma em que se pensa em Invernada Artística (falando em dança) hoje em dia, é só uma das várias formas possíveis. Quem inventou que poderiam ter temas de entrada e saída? Foram os açorianos, ou os alemães?

É uma questão muito delicada, mas vale a pena discutir.
avatar
Francisco Silveira
Administrador

Mensagens : 46
Pontos de Trova : 127
Data de inscrição : 17/08/2010
Idade : 24
Localização : Nova Petrópolis, RS

Ver perfil do usuário http://ctradicionalista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Fábio Rodrigo Guaragni em Ter Ago 24, 2010 3:22 pm

Vamos lá


É claro que assistir as entradas e saídas, para a maioria das pessoas, é mais atraente. Não poderia ser diferente por que o ser humano tem a necessidade de variação: seja na comida, na bebida, na diversão e muito mais em apresentações artísticas que é uma coisa feita simplesmente para ser apreciada e não é uma necessidade fisiológica como comer. Por isso que a TV atrai tanto: é barato, é fácil e a cada instante mostra coisas diferentes (mesmo que os temas se repitam como nas novelas, os atores mudam, as músicas mudam, os cenários...) Na minha visão, isso nem tem como ser comparado.


O estágio 3 que tu classifica, eu não considero errado como tu sugere na seqüência do texto. Eu considero sim de baixíssimo valor histórico-cultural mas de altíssimo valor artístico...

Francisco disse:
"...Mas além, eu já vi, no nosso próprio Festival Internacional de Folclore, grupos de fora que dançaram a Chimarrita com algumas "firulinhas". Será que isso é abominável?..."


De forma alguma, podemos dizer abominável...Mas as ENTIDADES com comprometimento cultural, na minha opinião, devem se manter na bibliografia pesquisada, porque, mesmo que não queiram, as entidades oficiais exercem um respaldo perante a sociedade do tipo "mas eu vi um CTG se apresentando e eles dançavam assim!". Seria como apresentar uma vaneira, com alteração dos passos tradicionais, porque a forma original de dançar é muito "repetitiva"!!



Francisco diz:
"...Será que "Os Homens de Preto" não é uma dança? Não tradicional como a Dança dos Facões ou o Chico do Porrete, mas ainda assim uma dança...."

Perfeitamente: é como se fosse a nossa entrada e "Tropeiro Velho" a nossa saída. Neste momento estamos apresentando pesquisa e homenagem. E a melhor forma, a mais prazeirosa com uma boa dose de eficácia é esta.

Francisco diz:
"...Esta dança se encaixa no item três, não é?..."

Não! De forma alguma. Esta dança integra um espetáculo de apelação fortemente histórico-cultural, que tem, ou foi a nossa intenção inicial, como tema principal, uma dança (facões) legítima e tradicional da cultura em questão. Ela tem, como eu citei no parágrafo anterior, o papel de uma dança de entrada. Neste caso houve uma preocupação muito grande com a dança tradicional (facões) e o porque de serem escolhidas as músicas de entrada e saída, fazendo referência ao tema principal e a pesquisa realizada. O item 3 se refere a grupos como aquele que tu não citou o nome, que pegam músicas gaúchas, fazem coregrafias, pelo prazer maior de dançar, de se divertir, usando temas que agradam uma parcela grande da população. Mas nesse caso a questão Show, sempre acaba sobressaindo sobre a questão Tradição.

Francisco diz:
"...Estrelando o espetáculo, Italianos da Serra, com a Invernada Adulta do CTG Pousada da Serra, onde se interpretam Danças Tradicionais (Chote de Quatro Passi) mescladas a temas próprios coreografados baseados em pesquisa histórica e cultural realizada pelo próprio CTG."
Não seria um baita impacto? Não fortaleceria ainda mais a cultura?


Tu tem toda a razão e eu já vinha criando umas idéias sobre isso. Mas relembro que a dança tradicional (o 4 passi nesta idéia), tem que permanecer autêntico. Sendo assim, este tipo de trabalho não se enquadra no item 3 e sim no 2. Ainda poderia se colocar outras danças folclóricas, que não estão no manual, como a tarantela por exemplo, enriquecendo culturalmente ainda mais o espetáculo. Poderia ainda, nem ter uma dança do manual e nem biriva. Poderia ser somente danças do folclore italiano...Agora quando dançar o 4 Passi, tem que ser o próprio, se dançar vaneira, tem que ser a própria, se dançar a tarantela tem que ser a própria e assim por diante...

Fábio Rodrigo Guaragni
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 33
Pontos de Trova : 48
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 38
Localização : Nova Petrópolis

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Francisco Silveira em Ter Ago 24, 2010 3:42 pm

Mas então, Fábio, eu me pergunto, que tipo de apresentação seria essa?

Não é nem uma apresentação tradicional das danças, e nem nada que eu saiba nomear.

Vejo, que no fim das contas, acabamos concordando. Very Happy

Resta-nos esperar para ver o que o resto da gauchada pensa.
avatar
Francisco Silveira
Administrador

Mensagens : 46
Pontos de Trova : 127
Data de inscrição : 17/08/2010
Idade : 24
Localização : Nova Petrópolis, RS

Ver perfil do usuário http://ctradicionalista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Fábio Rodrigo Guaragni em Ter Ago 24, 2010 3:53 pm

Tchê
O que eu penso por enquanto que os itens 1 e 2 se encaixam perfeitamente para entidades tradicionalistas, cada um com as suas vantagens e desvantagens e não posso dizer que, e nem sei se um dia vou poder afirmar, qual é o melhor. Mas eu tenho plena convicção que o item 3 não serve.

Pois o item 1 e 2 tem total compromentimento com o tradicional, no quesito dança pesquisada. Enquanto o MTG tem o seu manual, que quase que totalmente baseado na pesquisa do Paixão Cortes e Barbosa Lessa, o estilo campeiro tem sua bibliografia (que é a mesma) em outras publicações, mudando apenas a forma como ela é apresentada (com entrada ou sem, permitindo uniformização ou não). O estilo campeiro tem ainda outras danças que não estão no manual do MTG (e isso eu ainda não sei porque) como a sarna, valsa da mão trocada, faca maruja, jardineira, chote do par trocado e mais umas várias todas elas baseadas em pesquisa (acho que é o dobro do que o nosso manual).

Fábio Rodrigo Guaragni
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 33
Pontos de Trova : 48
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 38
Localização : Nova Petrópolis

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Maira Carina Beutler Marc em Qui Set 02, 2010 6:44 pm

Vamos pra peleia então...
Lendo as postagens de vocês cheguei à conclusão que vocês filosofam um eito, mas a verdade é que como o Fábio mesmo falou temos que separar o joio do trigo. Eu mesma ainda não tenho minha opinião totalmente formada quanto a essa questão, pois são estilos diferentes, uns atraem mais que outros. Quanto à menção que o Francisco fez sobre a Aldeia dos Anjos é quase covardia comparar com o que muitas vezes vemos por aí, os "caras" são muito bons no que fazem!
Tenho orgulho em participar do meu CTG onde agora passamos a "praticar" ambas as danças e tenho só elogios a todos. Voltando a questão das Danças Tradicionais Folclóricas (Paixão Côrtes) ou Estilizadas posso dizer e já ouvi falar muito que as danças estilizadas (fora as firulas) são muito mais bonitas do que as velhas danças estilo Paixão Côrtes, eu mesma já dancei na invernada artística do CTG Pousada da Serra no tempo do Patrão Décio Port, na época dançava na invernada juvenil e sempre almejava entrar para a adulta, pois nela dançavam-se as danças estilizadas o que arrancava imensos elogios, quando entrei para a invernada adulta foi como dar uma repaginada na alma, pois o orgulho em estar lá era imenso e isso era vivido por todos que ali ingressavam. Nas danças colocávamos todo o amor e orgulho em sermos gaúchos, pois era um espetáculo em cada música ensaiada ou apresentada, o que hoje pode ser visto quando nossa invernada adulta entra dançando o tema Gaúcho Coração. Penso que ambas tem seu valor cultural e artístico, mas vendo os festivais com as danças estilo Paixão Côrtes não se muda muita coisa e pelas normas nem deve ser mudado, o que muitas vezes passa a ser chato em assistir, é aí que penso será que ele Paixão Cortês não deixou um pouco de lado a questão "coração" de lado, pois o que vejo muitas vezes é quase uma coisa robotizada muito diferente das danças estilizadas. A verdade é que tradição não se muda e que nem tudo que é tradição deve ser um show, mas em ambas deve-se sempre fazer com que o coração e o orgulho falem mais alto.

Maira Carina Beutler Marc

Mensagens : 2
Pontos de Trova : 0
Data de inscrição : 02/09/2010
Idade : 38
Localização : Nova Petrópolis

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Ana Luiza em Sab Set 04, 2010 4:41 pm

Bom, eu penso assim:
Pra mim, o CTG é um lugar primeiramente para preservarmos a cultura e a tradição. E, se, começarmos a deixar que essas danças estilizadas tomem conta, daqui algum tempo, ja vai ter gente dançando de mini saia no CTG, e a cultura assim desaparecendo.

Eu concordo que a entrada e a saída são a parte que mais chama a atenção e que as danças tradicionais acabam enjoando! Mas, já que existem, a entrada e saída podem ser "estilizadas" do jeito que a invernada preferir.


Mas, falando no grupo que voces preferiram nao citar o nome, eu acho muito legal a dança deles, e eu nao acho que eles estejam destruindo a cultura, porque as mulheres podem assim mostrar que tambem são capazes, afinal, o machismo é coisa do passado. Eu sei, que no CTG a cultura é assim, mas nao me lembro de ter escutado eles falarem em CTG durante sua apresentação. Se tivesse oportunidade, eu dançaria .

Ana Luiza

Mensagens : 1
Pontos de Trova : 0
Data de inscrição : 04/09/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Francisco Silveira em Sab Set 04, 2010 9:56 pm

Concordo com você no primeiro parágrafo e no segundo, e quando lancei esta discussão eu não estava falando sobre o mesmo tipo de dança estilizada do que vocês. Eu me referia ao que já acabei explicando, que é o mesmo tipo de dança que fazemos com os birivas: pesquisa e coreografia. Exatamente como a maioria das invernadas do Enart faz, pois com o rico grupo musical que tem não é difícil que componham uma música e uma letra que fazem jus a algum tipo de pesquisa que a invernada realizou. Toda hora vemos este tipo de entrada/saída. Para mim, é preferível montar apresentações mesclando este tipo de dança com danças tradicionais, chegando assim a um espetáculo de dança, que é coisa que poucos tem. Naturalmente, isso não serve para se dançar em rodeios, mas partindo do ponto em que a nossa invernada do CTG Pousada da Serra nunca dançou em rodeio (pelo menos nunca desde que eu estou no CTG, e isso é um bocado de tempo), não se perde nada.

Agora, falando do grupo inominado, Ana, eu discordo. Não creio que seja machismo, pois para mim, como você mesmo disse, é coisa do passado, e discutir sobre isso é o mesmo que reviver um morto.
Mas, vamos analizar os pontos da nossa crítica quanto a isso (nossa leia-se minha e do Fábio):
1o - Porque as prendas hoje em dia usam bombacha e bota (antigamente de uso exclusivo masculino)? Essa resposta é óbvia, é para excluir o machismo do meio campeiro, o que é uma baita jogada do MTG, que eu apoio completamente. Neste caso, as prendas são tão aptas na lida campeira quanto os homens, e isso não se discute. Quanto as mulheres que usam bombacha e bota como pilcha, eu já não acho muito legal, é muito mais bonito uma prenda de vestido do que com roupa campeira, mas é apenas uma opinião pessoal. Não critico ninguém que use como pilcha. MAS, dança é dança, não podemos matar a cultura, como mesmo disseste, e falando em termos de tradição, prenda não usa bombacha, e MUITO MENOS chiripá, e quanto a isso não há dúvidas.
2o - Sapateio. Falando de machismo, para deixar bem claro, as mulheres são tão capazes de fazer as coisas quanto os homens, e vice-versa. Não existe esta de dizer "ah, isso é coisa de homem" E NEM "Ah, isso é coisa de mulher". As coisas podem ser feitas por quem quizer fazê-las, o que no caso do nosso CTG é um problema, pois ninguém quer ajudar em nada. Mas as prendas sapateando é a mesma coisa do que um peão segurar as bombachas nos lados e fazer sarandeio. Já imaginou? Isso dispensa comentários.
Vendo o contexto geral, uma prenda de chiripá, dançando a Dança dos Facões (dança biriva, ESTRITAMENTE masculina) e sapateando, é a mesma coisa que um peão usar um vestido e passar maquiagem. Você pode não falar nada se ver (o que é muito difícil), mas com certeza vai sentir uma certa aversão e pelo menos vai pensar sobre muito sobre o assunto.

Bem, acho que deu para explicar meu ponto de vista. ^^
avatar
Francisco Silveira
Administrador

Mensagens : 46
Pontos de Trova : 127
Data de inscrição : 17/08/2010
Idade : 24
Localização : Nova Petrópolis, RS

Ver perfil do usuário http://ctradicionalista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Fábio Rodrigo Guaragni em Qua Set 08, 2010 12:47 pm

Olha indiada, penso que temos que separar mais umas coisas... (mudamos um pouco de assunto...)


Na campeira as prendas podem usar trajes exclusivamente masculinos e na artística não! Mas porque?

Pela diferenciação da atividade: as atividades campeiras acontecem no tempo atual, e como não poderia ser diferente sofrem alterações e a prenda entrou na lida (quero dizer, com a diminuição do machismo as prendas ganharam seu espaço e se hoje querem pegar o laço e ir para a lida campeira não vai ser nenhuma ofensa a sociedade ou ao seu respeito prório.)

Já nas danças tradicionais e birivas, essas atividades são de outro tempo. Não existem mais. Portanto quando subimos ao palco estamos representando um tempo passado, o que não acontece com o laço, vaca parada, redea e tal... pois essas atividades não são exclusivamente praticadas para momentos de representação e sim como esporte e/ou lazer cultural. Sendo assim, considero fundamental que seja autêntico.


Agora se formos fazer uma representação campeira (de uma época não atual) uma lida por exemplo, vamos ter que ser autênticos, o que não permite a participação da prenda como laçadora, ginete e tal. (nem de vestido e nem de outra roupa)


O que quero salientar é: que quando estamos em cima do palco (AGORA SE APRESENTARÁ A INVERNADA.....DO CTG.... {campeira, artística,cultural...seja o que for}) temos que ter o máximo de cuidado com entidades comprometidas que somos para mostar coisas autênticas ou relacionadas diretamente com a autenticidade (que não entrem em conflito com o autênctico)

É claro, como a Ana citou, aquele grupo não se anunciou como CTG (que realmente não é), sendo assim, penso eu, ficam descomprometidos da relação de autenticidade, porque não se anunciam assim. Mas nós (Centro de Tradições Gaúchas) nos anunciamos assim (só pelo nome já é um comprometimento) e se não fizermos assim será o mesmo que o restaurante chinês servir comida japonesa (talvez seja parecido - sei lá se é - mas não é autentico...)

Fábio Rodrigo Guaragni
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 33
Pontos de Trova : 48
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 38
Localização : Nova Petrópolis

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Francisco Silveira em Qua Set 08, 2010 4:27 pm

Tu não falaste nenhuma mentira, Fábio. Concordo plenamente.

Na questão do grupo que estamos detonando aqui (meio sem querer, creio), fui eu quem trouxe tal grupo à discussão, e o trouxe por uma maneira bem simples: aquilo não é certo.

É claro, eles não se anunciaram como CTG, mas tenho certeza que se anunciaram como gaúchos. Tenho certeza que pelo menos se anunciaram como sul-riograndenses, e também anunciaram que o grupo tem o nome devido ao personagem de Érico Veríssimo, do livro "O Continente", que é um dos romances mais gaudérios que eu conheço.

Eles podem não ser um CTG, mas para um cearense que assiste a um "show" deles é como se aquilo que eles estão fazendo no palco fosse a autêntica cultura gaúcha. Estou errado?

Claro que não! Esse é o grande problema deles. Por mim, eles podem fazer o que quiserem, mas não pilchados, não representando os gaúchos sendo apenas meio-gaúchos.

No fim das contas, tirando esta parte totalmente errada e *censurado* Shocked da apresentação, até que eu gostei deles. Eu só gostaria que a coordenadora do grupo estivesse aqui para defender seu ponto de vista em fazer o que fazem. Isso seria uma peleia buenacha de se ver.
avatar
Francisco Silveira
Administrador

Mensagens : 46
Pontos de Trova : 127
Data de inscrição : 17/08/2010
Idade : 24
Localização : Nova Petrópolis, RS

Ver perfil do usuário http://ctradicionalista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Grupo de Danças Estilizadas Gaúchas BUTUQUARA

Mensagem por Rafaelposteiro em Seg Dez 19, 2011 3:25 pm

Gostaria de manifestar meu pensamento referente ao assuto aqui em pauta.

Faço parte de um grupo de danças Estilizadas Gaúchas, conseguimos não sair muito do original das danças? Qual seria o modelo inicial de dança, pois desde que Paixão Cortes criou o manual de danças ouve inúmeras alterações, essas mesmas ocorreram com o aval do MTG, CTG's e Patrões, somente por isso são consideradas mudanças válidas. Não acho que isso seja uma democracia pois um grupo de pessoas tomam as decisões sobre alterações, isso quer dizer que tem um poder absoluto sobre o manual, agora porque um Grupo de danças ou CTG's colocam em suas danças alguns giros e contra-giros a mais, não quer dizer que sairam do formato inicial de tradicionalismo.
Pois se até nosso primeiro CTG fundado por Paixão Cortes, não tem uma invernada artistica que pode disputar um rodeio e que seu fundador e nosso pratrono cultural em entrevista ao Tele Domingo programa veiculado pela RBS, quando perguntado sobre o que achava sobre o tradicionalismo acompanhar a evolução das coisas. Ele disse que era a favor, desde de que não se perca a essência.

Pois digo o seguinte, as autoridades maiores do tradicionalismo que deixemos de ser hipócritas e permitam que esse grupo e CTG's, disputem rodeios.


Rafaelposteiro

Mensagens : 2
Pontos de Trova : 0
Data de inscrição : 19/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Rafaelposteiro em Seg Dez 19, 2011 3:36 pm

Ana Luiza escreveu:Bom, eu penso assim:
Pra mim, o CTG é um lugar primeiramente para preservarmos a cultura e a tradição. E, se, começarmos a deixar que essas danças estilizadas tomem conta, daqui algum tempo, ja vai ter gente dançando de mini saia no CTG, e a cultura assim desaparecendo.

Eu concordo que a entrada e a saída são a parte que mais chama a atenção e que as danças tradicionais acabam enjoando! Mas, já que existem, a entrada e saída podem ser "estilizadas" do jeito que a invernada preferir.


Mas, falando no grupo que voces preferiram nao citar o nome, eu acho muito legal a dança deles, e eu nao acho que eles estejam destruindo a cultura, porque as mulheres podem assim mostrar que tambem são capazes, afinal, o machismo é coisa do passado. Eu sei, que no CTG a cultura é assim, mas nao me lembro de ter escutado eles falarem em CTG durante sua apresentação. Se tivesse oportunidade, eu dançaria . Very Happy


Ana,


Gostaria que visse no you tube, um grupo chamado BUTUQUARA de danças estilizadas e desse sua opinião...Se Paixão Cortes disse que é a favor desde que não perca a essência...Obrigado

Rafaelposteiro

Mensagens : 2
Pontos de Trova : 0
Data de inscrição : 19/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Danças Tradicionais: Folclóricas ou Estilizadas?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum